Reconstrução Tridimensional da Microestrutura Porosa

Método das Esferas Sobrepostas

Neste método de reconstrução o dado de entrada consiste na distribuição de tamanho dos grãos sólidos, em geral, medida em imagens 2-D do material com técnicas de morfologia matemática (Santos, L.O.E.; Philippi; P.C.; Fernandes, C.P.; Gaspari, H.C., Reconstrução Tridimensional de Microestruutras Porosas com o Método das Esferas Superpostas, ENCIT 2002 - 9th Brazilian Conference on Thermal Engineering and Sciences, Caxambu/MG, 2002). Isto é feito uma vez que a geometria dos grãos é muito mais simples que a dos poros, sendo modelados como esferas e imposta a conservação de sua distribuição de tamanho no modelo 3-D. Para fins de estudos de escoamento de fluidos, interessa-nos diretamente a distribuição de tamanho e organização espacial da fase poro. Desta forma, imposta e conservada a distribuição de tamanho de grãos, procede-se uma análise quantitativa da representatividade estatística de seções planas do espaço poroso no modelo 3-D à luz de suas características observadas nas imagens 2-D.

Exemplo de uma microestrutura gerada pelo método das esferas sobrepostas

Preparação de amostras

Porosimetria por Injeção de Mercúrio

Métodos para a reconstrução tridimensional da microestrutura.

Sistemas de Percolação Multiescala

Métodos Estocásticos

Método das Esferas Sobrepostas

Microscopia Ótica

Análise de Imagens

Microtomografia 3-D de raios-X

 

 
 
Labortório de Meios Porosos e Propriedades Termofísicas
Campus Universitário - Trindade
Florianópolis - Santa catarina - Brasil - CEP 88040-900 - P.O. Box 476
Fone: (0--48) 331-9851