Escoamentos Bifásicos

Entre as contribuições do LMPT ao desenvolvimento de métodos de simulação de escoamentos encontra-se o modelo de gás em rede com mediadores de campo (Immiscible Mediator Lattice Gas Automata - IMLGA). Este é uma extensão dos modelos de gás em rede que permite a simulação de escoamentos de fluidos imiscíveis. A idéia básica do modelo é o conceito de mediadores de campo – partículas sem massa que transmitem informações na máxima velocidade possível. O termo “mediador” vem da teoria quântica de campos, onde serve para designar as partículas responsáveis pelas interações, como o fóton no caso de interações eletromagnéticas. Mantendo as características essenciais dos modelos de gás em rede – a discretização do espaço através de uma rede regular, a discretização tempo e interação entre primeiros vizinhos –, o IMLGA trabalha com dois tipos de partículas, representando os dois fluidos, e dois tipos de mediadores representando as interações entre as partículas, responsáveis pela separação entre os fluidos imiscíveis.


Figura 1 Simulação de uma gota usando o IMLGA

Maiores detalhes sobre o IMLGA podem ser encontrados aqui.


Figura 2. Drenagem de um meio poroso 2D

Boltzmann

Escoamento de fluidos imiscíveis - modelo dos mediadores

Escoamento de fluidos miscíveis

Escoamentos monofásicos - modelo BGK

Método dos momentos

 
Booleano

Escoamentos Bifásicos

Escoamentos Monofásicos
 

 

 
 
Labortório de Meios Porosos e Propriedades Termofísicas
Campus Universitário - Trindade
Florianópolis - Santa catarina - Brasil - CEP 88040-900 - P.O. Box 476
Fone: (0--48) 331-9851